Twitter lançará ferramentas para denúncia de assédios

Karen Carneti, de INFO Online, em 02 de dezembro de 2014

Twitter

Até julho do ano passado, o Twitter era uma das poucas redes rede social que ainda não possuem um botão de denúncias. Agora, depois de inúmeros casos que envolvem ameaças de estupro ou morte feitas para usuários do serviço, a empresa tomou a decisão de lançar ferramentas para denúncias de assédio.

Nesta terça-feira (2), a empresa anunciou o lançamento das ferramentas, que será gradual para todos os usuários. O Twitter pretende, principalmente, simplificar as formas que um usuário tem de reportar abusos, especialmente usuários móveis. A empresa deixou claro que aqueles que apenas leem a rede social também poderão denunciar abusos.

Como parte da novidade, os usuários poderão ver rapidamente quem bloquearam em seu feed e desbloqueá-los, ou adicionar novos nomes à lista de bloqueados. Com a mudança, o bloqueio funcionará de duas maneiras: você não verá as mensagens postadas pela pessoa bloqueada, e a pessoa bloqueada também não poderá ver seus posts. “Em nosso esforço contínuo para tornar sua experiência no Twitter mais segura, estamos reforçando nosso produto de denúncia de assédio – e fazendo melhorias na função ‘bloquear’”.

Assim como já acontece, qualquer conta denunciada por abuso será analisada por uma pessoa da equipe de segurança do Twitter, e aqueles que violarem as condições de serviço da empresa podem ter suas contas deletadas.

“Estamos muito longe de terminar de fazer alterações nesta área. Nos próximos meses, você pode esperar para ver controles adicionais de usuários, novas melhorias para realizar denúncias e novos procedimentos de execução de contas abusivas. Continuaremos trabalhando arduamente sobre essas mudanças, a fim de melhorar a experiência das pessoas que se deparam com abusos no Twitter”, afirmou a empresa.

Fonte: http://info.abril.com.br/noticias/internet/2014/12/twitter-lancara-ferramentas-para-denuncia-de-assedios.shtml

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *