NUCCIBER

Núcleo de Combate aos Crimes Cibenéticos

DESTAQUES

Chatbot: Tira-Dúvidas do TSE no WhatsApp traz novidades para as Eleições 2022

Chatbot: Tira-Dúvidas do TSE no WhatsApp traz novidades para as Eleições 2022

Nova versão do assistente virtual vai permitir que os eleitores interajam com o Tribunal Superior Eleitoral para receber serviços e…

MP da Bahia recomenda ao Google que adote medidas para combater racismo algorítimico

MP da Bahia recomenda ao Google que adote medidas para combater racismo algorítimico

O Ministério Público do Estado da Bahia recomendou ao Google que adote medidas para combater a prática de condutas discriminatórias…

Golpe da mão fantasma: o que é e como prevenir?

Golpe da mão fantasma: o que é e como prevenir?

Um novo golpe utilizado pelos criminosos exige a atenção de correntistas e utilizadores de aplicações do setor bancário: o golpe…

O que fazer ao ser vítima de um crime virtual?

Evite apagar as informações relacionadas ao ato ilícito, uma vez que estas informações são de extrema importância para a identificação dos responsáveis pelos fatos a serem investigados.

Salve todos os elementos informativos relacionados ao ilícito cibernético, a exemplo de: links (URLs) suspeitos; print screens; números de celular envolvidos no fato; data ou período do fato; horário; comprovantes de transações financeiras / número de contas bancárias fraudadas; arquivos (vídeos, imagens, documentos, etc.) utilizados na prática do ilícito; e-mails encaminhados, inclusive, os respectivos cabeçalhos; dentre outros.

Para garantir a integridade dos elementos informativos, aconselha-se o procedimento de geração da função de resumo (Hash) dos arquivos preservados. Com o Hash, qualquer alteração na informação original produzirá um novo código Hash , indicando assim, que o arquivo pode estar corrompido ou que foi modificado. 

Saiba mais em: Cartilha de Segurança para Internet. Criptografia. Função de resumo (Hash).  
Baixe o HashMyFiles para geração de hash.

Tendo em mãos todas as mensagens, fotos e documentos que possam servir como prova, apresente-as para pessoas de sua confiança, para que estas possam prestar testemunho.

Registre o Boletim de Ocorrência na Delegacia mais próxima do seu domicílio, apresentando a mídia digital não regravável (CD-R / DVD-R) com todas as informações preservadas, inclusive, com os respectivos resumos Hash. Caso não disponha de tais recursos, apresente as impressões, cuidando para que os registros dos elementos informativos relacionadas ao ilícito cibernético permaneçam visíveis.

No estado da Bahia, crimes cibernéticos podem ser denunciados acessando o site da Delegacia Virtual do Ministério da Justiça através deste  link.

Atenção: 
Somente após a preservação das informações e do Registro do Boletim de Ocorrência, solicite a retirada do conteúdo ilícito e/ou denuncie o perfil/publicação na Rede Social ou Aplicativo.

ORIENTAÇÕES

Seu celular foi roubado, o que fazer?

Seu celular foi roubado, o que fazer?

Seu smartphone foi roubado? Siga estes procedimentos. Siga estas orientações na ordem apresentada

Seu celular é sua carteira

Seu celular é sua carteira

Os smartphones e seus aplicativos trouxeram muitas facilidades para nossa vida. Hoje podemos carregar documentos como identidade, CNH, título de…

Chatbot: Tira-Dúvidas do TSE no WhatsApp traz novidades para as Eleições 2022

Chatbot: Tira-Dúvidas do TSE no WhatsApp traz novidades para as Eleições 2022

Nova versão do assistente virtual vai permitir que os eleitores interajam com o Tribunal Superior Eleitoral para receber serviços e…

Parcerias:

Cooperação:

Endereço: 5ª Avenida nº 750  – sala S216 – CAB, Salvador/BA – CEP: 41.745-004.
Telefone: +55 71 3103-0694 / 0695 / 0696
nucciber@mpba.mp.br

Skip to content