PF dá dicas para evitar crimes sexuais na internet contra jovens

Do G1 PE, publicado em 18 de maio de 2016

Dia de Combate à Exploração Sexual Infantil é festejado nesta quarta (18).
Desde 2013, agentes prenderam e autuaram em flagrante nove pessoas.

whatsapp-image-20160518

Cartilhas de prevenção ao abuso sexual infantil feitas pela PF (Foto: reprodução PF)

 

No Dia Nacional de Combate à Exploração Sexual Infantil, comemorado nesta quarta-feira (18), a Polícia Federal em Pernambuco divulga dados sobre operações realizadas para coibir esse tipo de crime e dá dicas de como evitar pedofilia na internet. Em cartilhas, os agentes da PF alertam pais e jovens para os riscos.

Também mostram os principais sinais de ataques de pedófilos, por meio do comportamento da criança ou adolescente. Entre as estratégias sugeridas aos familiares estão:  reforço da vigilância ao acompanhar os menores de idade que usam páginas de relacionamento.

Desde 2013, os agentes prenderam e autuaram em flagrante nove suspeitos. Ao todo, foram cumpridos 46 mandados de busca e apreensão e detectadas atividades ilícitas na internet em 24 cidades pernambucanas.

Para prevenir mais casos no estado, os agentes federais realizarão, ao longo deste ano, ações para orientar pais e filhos em como se proteger de ataques de pedófilos e outros crimes utilizando a rede mundial de computadores. As atividades são gratuitas e ocorrem  em escolas públicas e privadas, faculdades, clubes, associações empresas e igrejas. A PF aproveita os eventos para distribuir os livrinhos.

A PF alerta que é importante evitar publicação, nas redes sociais, de muitas informações pessoais, fotos ou vídeos. Também não é recomendado colocar fotos com pessoas (grupos de amigos), carros (a placa localiza o endereço), casa (mostra onde a pessoa mora) – nem informações pessoais – (telefones, endereços, CPF).

Além disso, a PF recomenda: os pais devem deixar o computador num local comum e visível da casa e supervisionar os acessos dos filhos de uma forma discreta e, sobretudo, não permitir muitas horas de exposição na internet.

O Brasil é o quarto lugar no consumo de pedofilia no mundo. As estratégias dos criminosos para atrair crianças e adolescentes podem ser facilmente detectadas. As vítimas geralmente são crianças e adolescentes entre 2 e 16 anos que foram abusadas sexualmente e tiveram suas imagens distribuídas na internet para consumo da rede criminosa que se estende pelo mundo.

Em caso de problemas desse tipo, a PF informa que denúncias podem ser feitas por meio dos seguintes números telefônicos: 100, 3421-9595, além do 190 da Polícia Militar. O sigilo da informação e o anonimato são garantidos.

Evento
Para  alertar para o problema, a Rede Estadual de Enfrentamento  ao Abuso e Exploração Sexual Contra Crianças e Adolescentes  promove uma caminhada no Parque Treze de Mai, no Centro do Recife. A concentração será às 14h desta quarta-feira.

Fonte: http://g1.globo.com/pernambuco/noticia/2016/05/pf-da-dicas-para-evitar-crimes-sexuais-na-internet-contra-jovens.html

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *